segunda-feira, janeiro 29, 2007

Gestos de Amor.


Porque e que os nossos olhos nao sao o reflexo cintilante das estrelas? Pela Humanidade, deveriamos fazer com que pequenas estrelas saissem de dentro de nos.
Quando acordarmos para a vida com o desejo de trazer tudo e todos no coraçao o Sol e as Estrelas alcançarao um brilho incalculavel.
Nao me preocupo mais em apressar a chuva, ela tem os seus momentos proprios para cair
E na beleza do momento inesperado que surgem as mais belas emoçoes.
Se os olhos metaforizassem o brilho das estrelas e os labios a doçura do mel, mais sorrisos inundariam o planeta como petalas de flores jamais vistas. Os beijos deixariam de ser vistos como contratos e os abraços seriam sempre sinonimo de fraternidade.
Os Humanos parecem a espera de um mensageiro magico e esquecem-se que se o coraçao tem feridas, o mundo nao para para o deixar consertar. As vezes esperar e demais, espera-se demais... E preciso deixar o sorriso acontecer, vindo do nada mas procurando o tudo.
Deveriamos sentir mais profundamente aqueles que estao a nossa volta e aqueles que passam pelos labirintos das Estradas da nossa vida. Nao deveriamos ter medo de percorrer quilometros de terra batida, descalços ou rotos...
Deveriamos, passear sem abrigos, para sentir o frio, sentir o valor da propria palavra "sentir". Porque quando nos idealizamos que temos todas as respostas, todas as conquistas, vem a vida e muda-nos, altera todas as perguntas.
Tudo o que conhecemos esta a desaparecer a cada dia que passa. O tempo e feito de mudança. Mudança implica novas oportunidades... Se nos lembrarmos que a vegetaçao aflora onde existe agua, onde ha Amor!
Todos somos artesaos da Vida.
Devemos aprender a forma como as pessoas se entregam a nos e como nos nos damos aos outros porque viver e uma constante dadiva de Amor.
Devemos procurar acrescentar sorrisos a nossa vida. Sorrisos de Amizade, de Felicidade, de Alegria... So, assim, deixamos o Amor entrar em nossa casa, para morar ao nosso lado. O Amor e aquela força magica que esta no coraçao de quem o sente e nos olhos de quem o ve.
O Amor e uma necessidade basica, e o pilar para a vida, e a bengala da felicidade.
Devemos ser como veleiros ao vento, no alto mar, sempre a soltar o grito que vem dentro da nossa Alma. Devemos dar um sentido a vida, em vez de andar a deriva.
E preciso, e urgente viver com os Anjos, voar com os Passaros e escutar a melodia da chuva como pingos de mel que caem do ceu para fertilizar os terrenos aridos da nossa personalidade.
Cada dia devemos escrever na nossa vida passagens com palavras magicas que começam como uma aula de ballet e terminam como um conto de fadas.

E importante e imprescindivel saber de cor cada lugar que cada pessoa ocupa em nos.

3 Comments:

Blogger o alquimista said...

"E importante e imprescindivel saber de cor cada lugar que cada pessoa ocupa em nos"...imenso o teu texto, sou obrigado a concordar com tudo aquilo que dizes, mas digo-te mais, é muito importante saber-mos se o lugar que cada um ocupa em nós será algo que nos preencha e nos torne mais ricos e acima de tudo faça sentido que continue ocupado...
Porque o teu coração é cristal de lua, apenas um ser tão especial como tu o deverá ocupar...

Doce e terno beijo

4:33 da tarde  
Blogger =^.^= Tarina =^.^= said...

Que texto deliciosa.. cheio de mel, de magia e de fantasia...

Preencheu-me!

Obrigada pela visita!

1 beiji =^.^= tarina

9:41 da tarde  
Blogger o alquimista said...

Deixo-te outro e duasa folhas de mandragora, tres gotas de orvaljo e um raio da lua para iluminar os teus sonhos...


Doce beijo

10:34 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home