quinta-feira, março 01, 2007

Anoitece no Algodao Branco...


Anoitece, o algodao branco dos lençois da cama da Papoila Sonhadora contrasta com a escuridao da noite. Noite sem luar, cada ruga do lençol me lembra de ti, cada abraço que me faz sentir nas nuvens de algodao doce.
Saudades do Sentir... Dois pauzinhos de canela, uma maça raspada, duas colheres de mel, dois litros de leite: um banho magico de Sentimentos.
Hoje, um aroma despertou em mim o desejo de te ter aqui, juntar esta solidao da noite nestes lençois de algodao branco... Viajar neste vale dos sonhos que a noite traz no ventre e me faz deambular pelo bosque magico da paixao... Viver com sabor, perfumar cada canto do teu Ser com petalas de Sentir... Tocar-te de mansinho, virar a almofada, sentir a sensualidade dos anjos nos meus lençois...
Pela manha, encomendar um sopro de mar, um pedaço de ceu azul, um palmo de mar, ondas de espuma branca, graos de areia fina que se colam em ti como açucar, demorar-me um bocadinho mais em cada arteria que leva emoçoes ao teu coraçao...
Encomendei para ti um raio de luz para alegrar o teu doce despertar, o canto do galo para a solidao afastar e a vida te fazer regressar... Voltas aquele lugar so teu, que ninguem conhece, onde uma musica pede que convides para dançar, mesmo que ainda seja noite, mesmo sem luar...
Mesmo que uma das almofadas esteja vazia, o lugar no coraçao esta cheio de aromas e sabores do Ser e do Sentir...
Este sonho e para ti, Coraçao de Sonhador...

5 Comments:

Blogger Anita said...

Bom dia Alegria. Hoje o sol resolveu aparecer depois de um dia triste e molhado, onde o cheiro da terra molhada e o perfume das flores se misturam e dão um aroma especial a quem vive no campo. O meu marido diz que a coisa que lhe sabe melhor, é ao fim do dia depois de vir de Lisboa, chegar aqui a casa e sentir esta mistura de aromas próprias do campo.
Quero-te deixar mais um pensamento e dizer-te quão maravilhoso é o teu texto. Fica com Deus minha linda e já chegámos a Março, o mês da Primavera.
Anita (amor fraternal)

"Torna meu coração tão quieto, tão quieto,
quando estou em oração,
que eu possa ouvir os
círculos brancos das nuvens
desvanecendo-se no ar"

8:55 da manhã  
Blogger david santos said...

Olá!
"um palmo de mar"
Sim, um palmo! Um palmo de tudo. Um palmo, que embora fosse apenas uma pequena parcela do mar, seria muito maior que todo o Universo.
Parabéns, papoila, parabéns.

12:50 da tarde  
Blogger }}cleopatra{{ said...

Olá Papoila Sonhadora!

Que lindo sonho este, embrulhado em nuvens de algodão doce, que se desprendem de uma noite sem lua...
E, numa cama de lençóis de algodão brancos, onde só uma almofada é usada... um coração sonhador é abençoado por um sonho que quase parece real!

Beijinho soprado

3:57 da tarde  
Blogger isabel said...

nuvens de algodão...é macio esse sonho

obrigada pela visita :)

4:50 da tarde  
Blogger Isa&Luis said...

Olá papoila sonhadora,

Venho arrastada por outra papoila,

Passear no teu cantinho foi sentir os aromas da paixão.

Adorei ler-te!

Beijo!

Isa

12:06 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home