domingo, abril 29, 2007

Papoila e Criptogama.

"...quero um fio que me conduza ao centro da Vida e trazer ao de cima tudo o que existe la de dentro, quero o coraçao do mundo, quero o que mora no interior do interior, transformar em letras o que nao tem letra nenhuma..."
Antonio Lobo Antunes
Nao tenho nada Comigo
Apareceu despojado de todos os acessorios, simples como uma pena que voava, calmamente, ao sabor do Vento. Era feliz sem nada ter, sem nada possuir...
- "Para que ter uma piscina, se posso ter todos os lagos do mundo?"
Apareceu e disse sem temor o que bebera. Apareceu e olhou sem temer este Continente. Muitos havia visitado mas poucos percorrido, e agora neste novo repousava.No repouso da Alma vive um guerreiro da Paz, descansa na Escuridao, por fim encontrara a espada capaz de lhe indicar o que sempre procurou... Nada temia, porque um guerreiro nada teme, vive como um barco sem leme, naufrago da vida....

_ "Que belo Continente! Descansarei a Noite! So ela me seduz, prende-me no Ser, abraça-me no Sentir." - Dizia a voz sedenta de viver.
Entendes tu que tanto percorri para encontrar o tu que es? Entendes tu que o repouso simples, mais rico e que o dia? Por isso te encontrei voz da Noite que no Sonho nao me reclama? Por isso aqui repouso,sem rumo, mas com Sentir.
Quantas mares, quanto lodo das lagoas visitaste, Nenufar branco? Quantas paixoes, quantos enledos, quantas Lagrimas encheram os rios? Descansa, tens uma Lagoa no cimo do monte que criei para ti, esta cheia de Amor puro, Alquimia do mais puro Sentir,Lagrimas nada mais sao do que diamantes, vindas de Ti!
O monte subirei para na Lagoa banhar meu corpo magro, pensou mais do que disse, segundos antes de despertar. O monte subirei para beber desse Amor, dessa Alquimia! Sem acessorios, olhou o alto e com alegria ordenou ao corpo que andasse. E do nada que e tudo apareceu no ceu a Lua, todas as Noites aparece bem bonita, muda as vezes de cor e feitio para enfeitiçar o amante, que sem nada alcançou um diadema de sentidos que todas as Noites o fazem subir ao monte, vai ter com a Lua...
E, de dia, desce sempre extasiado de tanto a Lua, durante a Noite amar. Sera? Vale a pena acreditar nesse instante, nesse nada, nesse vazio. Simples Sentir, gesto no ar... Verbos que se prendem com o olhar de quem nao se cansa, nunca do pouco que tem partilhar...

Consta-se que Amar passa pelo acreditar, sobe, sente, partilha... A Lua estara Sempre la para te abraçar...

18 Comments:

Blogger Anita said...

Linda Papoila passei para saber de ti. Espero que esteja tudo bem.
Muitos beijinhos e desejo-te uma óptima semana.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

7:24 da tarde  
Blogger mago dos sonhos said...

Saudações!

Poderosas palavras, criatura do vento, mão da criação, mulher do tempo, pena macia embalada pelo vento. Tu sim, tens o mundo na mão, refúgio seguro, encantada baia, sossegado repouso, aconchego teu, fraternal união. No repouso profundo das tuas palavras, minha alma e mente, aqui repousaram. Deixo para ti, um sonho embrulhado na mais fina seda do sentir.

Sonhos Mágicos

1:02 da manhã  
Blogger Kalinka said...

Não é só a Lua que estará sempre lá para nos abraçar, também o Sol estará sempre lá para nos aquecer, também a Natureza estará sempre lá para nos deliciar com seus cheiros e sons...
O meu tema é: Trata-se do sistema endocanabinóide, situado em uma área do cérebro que regula as emoções e que está envolvido em actividades importantes como a regulação do gasto e formação de estoques de energia e nas sensações de recompensa e prazer.
É isso:
como regular as emoções??? alguém me ensina? me ajuda?

Beijos. Boa semana.

8:24 da manhã  
Blogger sa.ra said...

bela papoila e a força do teu vermelho vivo! encantas...

beijinho
tem um dia muito feliz!

2:59 da tarde  
Blogger Reflexos da Alma said...

Olá Papoila ,
Mais uma vez deslumbrante e Lindo !
Essa tua capacidade de me transportares no teu Mundo me embriaga de prazer...
passei para te deixar uma Beijoka

4:43 da tarde  
Blogger Flôr said...

Olá Papoila, já tinha saudades de te visitar.... é sempre agradável passar por aqui....


Bom fim de semana e que toda a Alegria de Deus, "invada" o teu coração.

Fica bem linda, e recebe um beijão no teu coração da Flor

4:52 da tarde  
Blogger Anita said...

Linda está tudo bem?
Bom feriado.
Muitos beijinhos do fundo do coração para ti.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

6:06 da tarde  
Blogger =^.^= Tarina =^.^= said...

Gosto da lua.. especialmente da lua.. a noite traz calma... paz... e o amor...

=^.^=

10:42 da tarde  
Blogger Sereia Azul* said...

Sinceramente, fico muda perante a beleza profunda das tuas palavras. Acho que se comentar mais...estrago tudo!

Rendo-me ao teu encanto, Deusa das Palavras e do Deslumbramento Anímico!

Um abraço carinhoso de brisa marinha

Sereia Azul*

1:25 da manhã  
Blogger Miosotis said...

Olá querida Amiga!
Tudo bem?!
Desculpa não ter dado noticias antes, mas tenho andado sempre a correr de uim lado para o outro.
Espero que tenhas uma óptima semana.
E um excelente feriado.
Muitos beijinhos
Maria

Amizade cristalina

Quisera eu
derramar todas as flores
de todas as estações
para colorir todos
os seus dias

Quisera eu
poder te dar o sol
para aquecer seu coração
versus a solidão

Quisera eu
dar-te a magia da lua
para você viver a vida inteira
coberto de amor e ternura

Quisera eu ter o dom da cura
para te libertar de toda dor
do corpo e do coração
Acabar com todas
as amarguras

Quisera eu dar aos seus ouvidos
o silencio
quebrado apenas
pelas canções
de paz

Quisera eu
ser querubim
para cuidar de você
sem precisar partir

Quisera tudo e tanto mais
Só por um único motivo
minha amizade
que só quer
te ver Feliz.

4:27 da manhã  
Blogger Pepe Luigi said...

Bom conjunto de imagens que despertam os mais variadíssimos sentimentos.

Bom Feridado
Bjs.

1:07 da tarde  
Blogger Dias... said...

Gosto...
Beijo salgado, pela Lua excitado.

2:54 da tarde  
Blogger A.S. said...

A Lua será sempre um eterno fascinio! A inseparável companheira dos amantes e dos poetas...

Belissimo texto!


Um beijo!

6:37 da tarde  
Blogger Felipe Fanuel said...

Cara Papoila,

É sempre bom passar aqui.

Beijinhos pra ti, poetisa das poetisas!

4:40 da manhã  
Blogger Felipe Fanuel said...

Cara Papoila,

É sempre bom passar aqui.

Beijinhos pra ti, poetisa das poetisas!

4:40 da manhã  
Blogger bono_poetry said...

vem dai...veleja comigo...deixei-te um premio....mas...como nao me les.....vais ter de voltar atras.....para o releres...
dimensiona-te comigo....vem dai..

11:54 da manhã  
Blogger Zeca Paleca said...

Um pouco de amor é tudo o que peço.
Beija-me só às vezes, fala-me que
as trevas batem nos meus ombros,
quando tenho medo.

Toma a minha mão e lê
Sim.
Aqui, à esquerda,
vejo o Cruzeiro do Sul e um crucifixo.
Tu estás de joelhos e fazes o sinal da cruz.
Olhas para longe e desenhas um barco,
mas depois não te moves.

Vê,
aqui está um berço, e junto ao berço, três
vultos inclinados.
Parece que deizam cair
rosas amarelas.


Precisamos da sua ajuda para que se dêem início às cerimónias do casamento do EMPLASTRO com a MOURA AO LUAR.

Visite-nos no:

http://lusoprosecontras.blogspot.com

Eu e o SANDOKAN somos dois escritores que ainda vemos a lua que amamos e Vénus que a persegue tão cedo, tão perto, que nunca a abandona.

Beijinhos e Muitas Felicidades.

5:16 da tarde  
Blogger Dias... said...

Olhou-a nos olhos e triste se despediu. Conhecia a sua essência, sabia que nesta Noite não a voltaria a tocar.
Ela olhou-o trocista, lançou um qualquer verbo despropositado e partiu também, como previsto, para outra Noite.
Do início daquela madrugada ouvem-se ainda os ecos da desconfiança, a única flecha capaz de separar o que o Amor esculpiu.
Beijo dele

2:19 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home