segunda-feira, janeiro 05, 2009

A ÁRVORE PERDIDA

Há uma árvore algures. Lugar mágico, com luz própria onde os ramos se erguem aos céus como braços abertos para a dádiva dos Sentidos. Perdeste os braços que te protegem e desde então vagueias pelo espaço sem amparo com a certeza de dobrar as mãos como quem reza na ânsia de plantar a árvore que o tirano e vil Tempo arrancou. Neste frio, regressas ao solstício de Inverno nas mãos de um deus, jardineiro mágico que te ensina técnicas de plantio… Vais meditando. Aprendes as regras do bom cultivo. Às vezes entras nas portas da ilusão porque lá mora todo o teu Ser. Foges da vil realidade que ofusca o Sentir, deleitando-te com a magia dos abraços imaginados que recebes no silêncio das manhãs e nos orvalhos da noite. Dormes nos braços da magia, celeste árvore dos Sentidos. Envergas vestes de veludo, és parente das folhas que caem sem dono no frio húmus das sensações, apenas partilhadas pelos deuses numa Terra sem rosto, num mar de encalhados desejos… Onde repousam os Sentidos? Quantos desejos levam as ondas ao mar? Quantas folhas, filhas da árvore perdida insistem na Terra repousar? E há Almas que sonham acordadas outras que pensam sonhar nos berços da noite… Tantas Almas enamoradas que o vil Tempo um dia afastou. E, já de braços cruzados e a cabeça curvada em gesto de prece, junto da árvore imaginada, árvore pedida continua a Bailarina dos Gestos à espera que lhe digam que não há árvores perdidas, apenas desencontros que pisam o mesmo húmus procurando a árvore pedida.

Porque quem medita e se deixa levar nas mãos da prece sabe que um dia algo acontece. Talvez por isso a Bailarina dos Gestos no mundo dos Sonhos vive e do resto apaga o Sentir para o mundo que, simplesmente, a esquece.

3 Comments:

Blogger Sininho said...

Por vezes o tempo é vilão e separa as almas enamoradas..mas nem sempre ele é o único culpado...nem sempre temos coragem de lutar contra ele ..mas enquanto existir tempo...existe esperança..tal como sonha a Bailarina dos gestos..jinhos

9:09 da tarde  
Blogger Anita said...

Que teu amanhecer seja tão encantado como a mágica de todas as fadas…
Teus desafectos sejam tão pequenos como a menor gota do mar…
Teus caminhos sejam tão límpidos como as águas do mais sonhado riacho…
Tuas fantasias sejam tão boas como o desejo da jóia mais cara…
Tua docilidade seja tão sensível como a do mel mais natural…
Tua capacidade seja tão aprovada como a alma mais povoada…
E o nosso afecto seja tão verdade como a nossa amizade…

Um dia maravilhoso amiga.
Um maravilhoso 2009.
Beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

9:18 da manhã  
Blogger Maysha said...

É mesmo um lavar da alma entrar aqui.

Adorei.

Beijo de luz.

10:39 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home