sábado, junho 28, 2008

CIRCULOS DO SENTIR

"Tu das valor apenas as pessoas que acham como tu sem se opor. Mas segue as pegadas de um estranho e teras mil surpresas de esplendor", in Pocahontas, Quantas cores o Vento tem
A ti que Sonhas o mesmo Sonho que eu...
Es Janela aberta sobre o mar, filha do rio e do vento... Trazes na Alma a Tatuagem dos Sentidos que a tua sina outorgou... Saibas que jamais a mais bela princesa ao Destino podera escapar... -Cumpra-se o fado que une o caudal do rio ao mar! Cessem as lagrimas do teu rosto. Acompanhar-te-ao as gaivotas e a brisa da manha... A tua passagem vergar-se-ao as folhas de Platano porque e imenso o Sentir. Sinto-te na brisa do Vento, nas Auroras orvalhadas, na Noite escura e densa. Percorri praias desertas, caminhei descalça nas maos do Tempo, naufraguei num mar de ilusoes que me prenderam no escuro, soltei as vozes do Tempo, rasguei as pinturas desse habitat, vi para alem do ver, por instantes fui Alma de Passaro contemplando o mundo do lado de la...
Soltei as asas, presas nas arterias de enganos e voei... Demorei-me neste voo, ate a tua casa chegar... Quantas vezes me terei perdido nos trilhos da Vida? Descobri que nao ha metas, que o melhor dos caminhos e a rua sem saida, e no coraçao a ferida... Aprendi a errar. Nao quero voltar para la. Descobri que o pescador de lirios roxos existe... Cresce em mim a saudade do Vento que ameaça chuva...
E teu o Amor que trago no Coraçao e o Sorriso que delineei nos labios, para te entregar! Sonhei mostrar-te a Noite, so assim poderas entrar no meu Ser, invadindo o meu Sentir. Quero-te como uma trepadeira que cresce dentro do meu Ser, Circulos do Sentir, a espera das Rosas em flor, enclausuradas num vaso sem nome que ainda ninguem soube tocar...
Pede ajuda ao Vento, que sopre de mansinho... Saibas que neste vaso, habitat de Sentidos, cresce em Circulos a seiva do Amor. Nao temas o teu habitat rasgar, ve para alem do Olhar! Sente a espiral, serpente que te encantou e levanta o veu do Tempo que eu espero por ti perto da colina que me faz Sentir perto do ceu... Sao Circulos Do Sentir que um deus um dia escreveu...

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home