quarta-feira, julho 04, 2007

Sente esta Valsa

Homem que flores e frutos esconde o teu Ser? Uma Arvore e um poço de agua pura e cristalina, nao e pertença individual. E um poço de ternura, o poço nunca muda e a agua nunca seca. O Homem do Seculo XXI tem o vazio no Ser e no Sentir. E convidado para beber a agua do poço, mas nao sabe como usa-la! Pobre Alma ao abandono, que nem bicicleta abandonada na pradaria porque o gozo de caminhar descalço e melhor, mais puro e tem mais Sabor.
Sete passos de Dança que esta foto nao alcança, deixo nesta Noite para Ti. E tua a dança, aceita e mergulha neste frio caudal que as emoçoes aquecem...
Fecho os olhos para o mundo e mergulho as minhas emoçoes em sitios que o vulgo olhar nao alcança, solto as minhas paixoes, lentas emoçoes, corpo que ao mar se lança, vem sente esta e a tua Valsa.

2 Comments:

Blogger Miosotis said...

Um olá...
Um adeus...
Um beijo perdido num campo de miosótis ressequido...

3:51 da manhã  
Blogger Jefferson P. said...

Trago beijos...

:)

7:53 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home