sexta-feira, novembro 23, 2007

Espada do Sete.



-"Espada do Amor, aceita sete dias de orvalho, sete noites de prazer, sete petalas de rosa vermelha, sete fios de cetim, sete preces de Amor deste pobre espadachim..."
Vontade de bem querer nasce no seio do Ser imaculado da natureza. Sensual modo de sentir aliado da firmeza. Em cada misterio, um sorriso de mulher, em cada gesto uma lamina fria que corta... A espada do Amor e prece, petala que no teu coraçao brota...
Ergue-te, faz o ritual circulo no chao. A vela esta acesa. Une os teus braços aos meus, qual dadiva dos ceus! Sente esta espada de sentires. Que ela te divida corpo e Alma. O que unido foi pelos deuses, numa nuvem esta guardado no ceu, segura a espada da vida, espera um sinal meu... Sentei-me a mesa dos Anjos, aprendi a linguagem do Amor, pela Terra espalhei hinos, travei batalhas para chegar ao teu ceu... Espera que o que unido foi, unido esta. Que esta prece, ritual de Amor, te ensine a lutar, ver com os olhos do coraçao, ilumine o teu caminho e te leve ao meu sentir... Todos os astros, todos os passaros, todas as flores, toda a chuva do mundo sao sinais que os Anjos enviam aos que vivem da fantasia, mergulham na utopia celeste da espada do Sete. Ouve essa musica que os ceus nos ofertam, deita-te no vale do Ser e luta pelo Sentir.
Sete circulos, sete petalas, sete gotas do primeiro orvalho da manha, sete uivos de loba, sete devas se unem para que se cumpra o que unido esta...

1 Comments:

Blogger SentidoS said...

7.......

Beijo Sentido

12:43 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home